Atualizado: Abr 15

Por Vera Marini - saberterapeutico@saberterapeutico.com

Introdução. A constipação enquanto patologia é bastante comum em nossos tempos. Nesse pequeno artigo iremos abordá-la pela visão da medicina tradicional chinesa.


Constipação. É o movimento lento de conteúdos excessivamente firmes através do intestino gerando evacuação esporádica de fezes duras e pequenas de 3 a 2 vezes por semana ou dia sim dia não.


Sinais. Fezes secas e/ou duras; dificuldade para defecar, sendo necessário grande esforço; formato anormal das fezes a exemplo de finas e longas ou pequenas e redondas.


Causas. A seguir, relacionamos 4 causas da constipação:

  1. Dieta inadequada com consumo excessivo de alimentos quentes que secam os fluídos do corpo ou frios que bloqueiam a função do transporte do baço e falta de fibra alimentar;

  2. Estado emocional como tensão, raiva, ressentimento, frustração por longo período de tempo;

  3. Trabalho mental excessivo com excesso de pensamentos e preocupação;

  4. Trabalho físico excessivo/parto sem o devido descanso/resguardo, pois enfraquece os músculos;

  5. Doença febril provocando calor interior que prejudica os fluídos.


Órgãos envolvidos. Relaciono os órgãos envolvidos na constipação segundo a medicina chinesa:

  1. Estômago: é a origem dos fluidos e em dietas com abuso de alimentos quentes há o calor secando os fluídos e no caso de abuso de alimentos frios há o bloqueio no transporte;

  2. Rim: com essa deficiência de fluídos e frio no abdômen inferior ocorre fezes secas e defecação com grande esforço;

  3. Baço: o bloqueio no transporte é uma condição de deficiência de energia e as fezes não são movidas;

  4. Fígado: como consequência dessa deficiência energética, o fígado não consegue manter o livre fluxo de energia, ocorrendo estagnação de fezes;

  5. Pulmão: a deficiência de energia não auxilia as fezes no sentido descendente para os intestinos;

  6. Intestino: este é afetado pelo calor ou frio abusivo das dietas.


Conclusão. As possíveis causas da constipação, promotoras de calor, frio, estagnação ou deficiência de energia causam impacto direto no funcionamento regular do organismo tendo como consequência a prisão de ventre e suas variadas formas.


Laxantes. O uso de laxantes não auxilia essa condição, pois conforme podemos verificar, segundo a medicina chinesa, há envolvimento de vários órgãos que, não funcionam devidamente, devendo portanto serem tratados pela acupuntura.


Bibliografia

- Maciocia, Giovani. A prática da medicina chinesa: tratamento das doenças com acupuntura e ervas chinesas.

39 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo